domingo, março 05, 2006

Como se aquele instante...

Como se aquele instante em que você fecha os olhos enquanto dirige durasse para sempre. A pista cheia de carros, você não vai depressa, lá pela faixa do meio, mantém certa distância dos outros veículos... E então, sem motivo aparente, simplesmente cerra as pálpebras. E vem o breu, suas mãos continuam firmes ao volante. Você sente o carro, chega a perceber as rodas contra o asfalto. Deixa aquela sensação de medo se apossar de seu corpo, aquela adrenalina que excita. A respiração acelera um pouco... Como se entregasse a Deus a possibilidade de mudar tudo, de brincar com a sua vida e tirá-la sem fazer esforço. O calor do sol sobre sua pele, o som dos automóveis na estrada... Você não entende porque faz isso. Como se aquele momento que antecede seu abrir de olhos durasse por demais.

4 Comments:

Anonymous Fashion said...

Cela,
Fikei um tempinho sem entrar, mas aki estou novamente! Achei o momento descrito no texto meio doido, e fikei na duvida do que aconteceu depois..!! Tbm senti um tom de tristeza em todos os ultimos textos... nao sei se foi só uma sensação minha.. Kero os novos capitulos, vc me manda??
Muitos beijos e saudades!
Ah! deixei um comentario na carta pra sua mae tbm!

20:36  
Anonymous Bruno said...

Isso me fez lembrar um texto de alguém que eu conheço. Gosto dessa visão de vida. De arriscar tudo por nada, só por ter esse poder.
Muito bom.
Beijo!

18:32  
Anonymous Aninha said...

Ainda bem que vc não tem carro aqui em Niterói!!
;)

Pois é....acho que eu sou muito medrosa...não deixo Deus brincar com a minha vida! Bem, não que tenha como impedir isso, né...

Beijoooss

19:26  
Blogger Alessandro_PPG said...

Olá Marcela! Estou fazendo um tour para conhecer a dinâmica dos blogs e dou uma lida nos que acho interessante e me deparei com o seu! É muito louco o seu blog porque você expressa vários sentimentos e sem medo! Quem nunca teve vontade de fazer isso com o carro em algum momento da vida, principalmente as fazes existenciais! Todos temos pensamentos meios sombrios de vez em quando! Ainda bem que você coloca tudo para fora! Beijos e parabéns pelo blog que é muito legal!

13:35  

Postar um comentário

<< Home